Casa e jardim

Pêssego "Red Haven": uma variedade popular altamente produtiva

Pêssego "Red Haven": uma variedade popular altamente produtiva



We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Pêssego "Red Heaven" ("Red Heaven"), criado por criadores americanos na Universidade de Michigan, há mais de setenta anos. Atualmente, é uma das variedades mais populares e, nas plantações industriais na América, ocupa pelo menos 70% de todas as áreas alocadas para a fruticultura.

Descrição, fotos e características da variedade

O pessegueiro de Red Haven é relativamente baixo, com uma copa larga e bem formada. As folhas são longas e largas, afinando para o topo. O florescimento é observado a partir da última década de abril ou meados de maio, que depende da região de cultivo. As flores são de tamanho médio, rosa brilhante, com um aroma pronunciado.

A planta entra na fase de frutificação aproximadamente três ou quatro anos após o plantio. A colheita é formada desde a última década de julho até meados de agosto, dependendo das condições climáticas da região em crescimento. "Redhaven" refere-se a variedades de alto rendimento. De uma árvore adulta, você pode coletar 40-50 kg de frutas. O rendimento máximo é atingido no décimo ano e atinge cerca de 110 kg de pêssegos.

As frutas são grandes, pesando de 120 a 210 g. Um leve achatamento dos lados é observado. O diâmetro médio da fruta comercializável é de 0,55 a 0,65 cm, e a pele é aveludada, removida facilmente dos pêssegos completamente maduros. A cor da pele é saturada, vermelha brilhante. A polpa madura é muito suculenta, laranja-amarelada. A pedra é relativamente pequena, bem separada da polpa madura.

Pêssego "Red Haven": características da variedade

Requisitos crescentes

O pêssego da seleção americana "Red Haven" possui excelentes características, e seu cultivo não é difícil tanto para jardineiros experientes quanto para iniciantes no verão que desejam ter essa fruta do sul em seu jardim. Essa variedade pode ser cultivada com o plantio de mudas e com o material de sementes na forma de sementes de pêssego.

Recomenda-se que o "Redhaven" seja cultivado nas áreas mais uniformes ou levemente elevadas. Ao escolher um local para plantio de mudas, deve-se lembrar que esta planta do sul, que adora calor, cresce melhor e se desenvolve em solos argilosos médios com alta transmitância de umidade e melhor troca de ar.

Os pessegueiros precisam de boa iluminação; portanto, devem receber pelo menos seis a oito horas de luz solar direta diariamente. Recomenda-se que as mudas de pêssego não sejam plantadas em áreas onde os melões e cabaças foram cultivados anteriormente, bem como morangos de jardim, plantas de cabeceira ou trevo. Os pêssegos Redhaven devem ser plantados no lado sul do local, em um local protegido do vento norte tempestuoso.

Os pêssegos devem ser plantados de acordo com o esquema estabelecido pela tecnologia de cultivo, de 5 x 3 m. É importante que, antes do início de geadas severas, as plantas tenham tempo para criar raízes e se aclimatar. No centro da Rússia, recomenda-se plantar pessegueiros Redhaven na primavera, antes que os botões inchem nas mudas.

Revisões e recomendações de jardineiros

O pêssego "Red Haven" não é apenas uma das principais variedades industriais dos Estados Unidos e de vários países da Europa Ocidental, mas também muito popular entre os jardineiros russos. Antes de tudo, as frutas são atraídas nessa variedade - grande, esférica, amarela dourada, com um rubor vermelho intenso pronunciado. A palatabilidade da carne tem uma classificação muito alta e, na escala de degustação, são pouco menos de cinco pontos.

O aumento da mobilidade da colheita e a alta produtividade fazem a variedade na demanda por uso comercial. Os jardineiros costumam cultivar pêssego de Red Haven para realizar ainda mais a colheita.

Ondulação de folhas: como salvar um pêssego

Prunus persica "Redhaven" é uma espécie resistente ao inverno e, quando cultivada nas regiões sul, não precisa de abrigo para o período de inverno. Essa variedade possui excelente resistência à polinização e à maioria das infecções fúngicas, o que reduz o uso de inseticidas fungicidas químicos modernos e aumenta o desempenho ambiental da colheita.