Conselho

Por que as folhas do melão ficam amarelas em campo aberto e como tratá-lo


É possível obter uma boa colheita de melões e cabaças se houver esforços para cultivá-los. Você deve saber com antecedência quais as dificuldades que pode encontrar, isso ajudará a avisá-los em tempo hábil. E as perguntas: por que aparecem minhocas nas frutas, por que folhas de melão ficam amarelas em campo aberto, depois de estudar este artigo, elas não vão conseguir te confundir. As opções de tratamento variam de acordo com o tipo de problema.

Causas de amarelecimento das folhas em um melão

Sabendo os principais motivos pelos quais as folhas do melão cultivado ainda ficam amarelas, é possível determinar a forma de seu tratamento. Isso o ajudará a escolher como tratar, bem como selecionar os fertilizantes ou estimulantes de crescimento necessários.

Escassez de água

A falta de umidade é uma das consequências do aparecimento dos problemas do melão plantado. Possui um sistema radicular poderoso que penetra profundamente (até 1 m) no solo e pode extrair água de forma independente. Mas ainda assim, ela precisa de água, embora não muito abundante.

Basta fazer irrigação semanal. A água deve ser usada apenas morna, infundida em um recipiente sob os raios solares. É preferível equipar um sistema de irrigação por gotejamento para evitar a entrada de gotas de água em sua parte aérea, e não causam amarelecimento das hastes do melão.

Por que os melões apodrecem em áreas muito úmidas? Porque o alagamento pode causar inicialmente o apodrecimento do sistema radicular e, em seguida, a parte do solo começa a amarelar.

Danos ao sistema raiz

Como saber se um melão está com sistema radicular danificado? Isso pode acontecer se as plantas forem plantadas muito próximas umas das outras. Como resultado, eles começarão a ficar amarelos e depois desaparecerão.

Falta de sais minerais

Você pode ver claramente as consequências de uma quantidade insuficiente de sais minerais no solo olhando para as folhas. À primeira vista, pode-se supor que isso seja culpa das pragas do efeito estufa. Manchas escuras aparecem nas folhas, murcham e ficam amarelas.

O que pode ser feito neste caso? Para realizar a alimentação complexa de melões e cabaças com nitrogênio e fertilizantes minerais.

Excesso de luz solar

A luz solar muito intensa também é um fator importante para o ressecamento dos melões. Especialmente durante os períodos de seca, este se torna o principal motivo quando as folhas dos melões cultivados ao ar livre secam e depois secam completamente. O que deve ser feito para se livrar desse problema? Por exemplo, canteiros de plantas devem ser cobertos com grama seca.

Causas de amarelecimento e queda dos ovários em um melão

Às vezes, ao que parece, em um melão bem-sucedido, por algum motivo, os ovários emergentes ficam amarelos e caem, as folhas se enrolam. Para entender por que isso aconteceu, é necessário descobrir quais circunstâncias negativas o precederam.

Falta de minerais

Uma quantidade insuficiente de oligoelementos e minerais no solo é uma das razões pelas quais os ovários do melão murcham e subsequentemente desaparecem. Em estufas, isso se assemelha à derrota da safra por pragas. Você pode lidar com esse problema introduzindo fertilizantes minerais complexos no solo.

Não polinizado

Na ausência de polinização, existe uma grande probabilidade de que os frutos não se fixem, o que levará à queda das flores. Para prevenir tal fenômeno, é recomendável borrifar os cílios floridos com água açucarada para atrair mais insetos. Ou a polinização pode ser feita artificialmente.

Sem beliscar

Para promover o desenvolvimento normal, melões e cabaças precisam ser pinçados no caule principal. Basta deixar 3 hastes na mata (uma principal e duas laterais). Se você não seguir a exigência, então esse se torna o motivo pelo qual os cílios dos melões secam.

Salto de temperatura

Se a temperatura durante o dia for muito mais alta do que a noite, o desenvolvimento de todas as plantações de abóbora se deteriora. Sob tais condições climáticas, o processo de secagem negativa dos chicotes aumenta durante o período de frutificação.

Causas de melões podres

Isso pode acontecer se a tecnologia agrícola não for seguida durante o cultivo. Um dos motivos que provocam tal fenômeno é a derrota da podridão radicular. Freqüentemente, o apodrecimento começa quando as regras de rotação de culturas não são seguidas e as sementes são plantadas em solo contaminado.

Plantas enfraquecidas são mais propensas a apodrecer. Inicialmente, o sistema radicular seca e, em seguida, a folhagem murcha e fica amarela. Como resultado desse processo, o arbusto desaparece. Se o apodrecimento ocorrer durante o período de amadurecimento da fruta, a colheita não pode ser feita, pois a fruta apodrece por dentro.

Doenças características de melões e cabaças

Alguns tipos de doenças e pragas impedem uma colheita decente de frutas. Você deve conhecer os sinais de doenças para saber como protegê-los de tais problemas. Os melões e as cabaças podem infectar todos os tipos de infecções (virais, bacterianas ou fúngicas).

As doenças mais comuns das plantações de abóbora são as seguintes:

  • cinzas (oídio);
  • murcha de fusarium;
  • antracose (cabeça de cobre seca);
  • flor parasita broomrape;
  • vírus do mosaico;
  • ascocite.

Melões e cabaças plantados são frequentemente prejudicados por insetos:

  • ácaro-aranha;
  • mosca de melão;
  • pulgão do melão (algodão).

Eles geralmente danificam a casca de frutas maduras e colocam larvas nelas.

A propagação da doença pode começar a partir de sementes, ervas daninhas ou solo infectados. Deve-se ter em mente que alguns tipos de doenças podem ser transmitidos por insetos. Portanto, o controle de pragas deve ser realizado em tempo hábil.

Pulgão melão

A derrota dessa praga ocorre pela reprodução na parte inferior das folhas de pequenos insetos. Eles sugam a seiva da planta, o que leva ao seu murchamento e queda dos ovários. É por isso que as folhas se curvam e os caules ressecam.

Fusarium murchando

Esta infecção é causada por um tipo especial de fungo. Ele penetra através do sistema radicular do solo. Inicialmente ocorre a decomposição das raízes, o que leva à completa secagem da parte aérea. Dos primeiros sinais da doença até a morte da planta, leva de 1 a 1,5 semanas.

O perigo desta doença é que ela pode se espalhar pelo local. Fusarium pode ocorrer em quase qualquer estágio durante um período de solo alto e umidade do ar. Como medida preventiva, não é recomendável plantar um melão por vários anos consecutivos na mesma área.

Antracose de melão

Este tipo de doença fúngica afeta as plantas cultivadas em casa de vegetação. Primeiro, manchas de tonalidade rosa-acastanhada são formadas sobre eles, depois os caules tornam-se quebradiços e os frutos apodrecem.

Ácaro-aranha

As colônias desse parasita aparecem nos brotos jovens, no ovário ou nos botões. Os adultos tecem teias e põem ovos. As larvas se alimentam da seiva celular. Cicatrizes aparecem no local da picada, e a cultura do melão seca durante o período de frutificação. Os parasitas podem então migrar para plantas saudáveis. Os ovos dessa praga podem permanecer viáveis ​​por 5 anos.

Coelhinho

É uma espécie de planta parasita. Não tem um sistema radicular, mas em vez disso, existem rebentos carnudos que cavam no caule e se alimentam do suco de outra pessoa.

Como uma vassoura dá mais de um milhão de esporos, é difícil lidar com esse problema. Você pode usar herbicidas durante o cultivo do solo antes da semeadura.

Oídio

O pico da doença do oídio ocorre na segunda metade do verão, se o tempo seco for estabelecido com chuvas mínimas. Aparecem manchas esbranquiçadas, a folhagem torna-se gradualmente amarela e desaparece.

Mosca melão

Essa praga na maioria das vezes estraga a colheita do melão. Essa mosca deposita suas larvas em frutas maduras. À medida que crescem, eles fazem movimentos por si próprios, como resultado do que ocorre uma decomposição completa do melão. A presença de larvas pode ser reconhecida pelos pequenos orifícios na pele. Os frutos afetados tornam-se vulneráveis ​​a doenças fúngicas ou virais.

Medidas de controle e prevenção

As safras de melão são tratadas com os mesmos métodos e medidas preventivas idênticas são aplicadas. Para isso, é realizada a remoção oportuna das ervas daninhas, bem como a limpeza dos canteiros de resíduos vegetais.

Para fortalecer o arbusto, os brotos afetados pela doença são cortados. É importante realizar uma rega moderada do solo para evitar a estagnação da água ou a seca severa.

Como preparação do solo antes da semeadura, são fornecidas escavações profundas e processamento de outono. Além disso, é realizado um tratamento de desinfecção das sementes antes da semeadura. Você pode usar uma solução aquosa de formalina (40%).

O cumprimento da rotação de culturas é considerado um pré-requisito para o desenvolvimento normal das plantas plantadas. Para evitar o encharcamento do solo, o melão é plantado em canteiros altos.

Durante a ejeção dos botões, os canteiros são tratados com água com adição de cloreto de potássio. Para prevenir a infecção por patógenos, é necessário soltar o solo e remover as ervas daninhas.

Para a prevenção e tratamento de plantas, são utilizadas preparações acaricidas contendo fósforo ou enxofre. Hoje, um método biológico de controle também é usado através da reprodução de uma pequena mosca fitomizante. Durante o crescimento, suas larvas comem organismos parasitas.

Dos produtos químicos usados ​​para pulverizar plantações de melão:

  • Karbofos (adicionar 70 g do produto a 1 balde de água).
  • Actellik (solução de 3 ml da droga em 1 balde de água).

Se você quiser tratar as camas com produtos químicos, use sabão em pó dissolvido em água. Basta ralar 1/3 da barra e dissolver em 10 litros de água.

Como você sabe se um melão está faltando?

É possível perceber que o melão desapareceu por sinais externos durante o período de frutificação: os frutos apresentam casca mole, manchas escuras, amassados, fissuras e furos, o tempo de maturação neste caso muda, a videira seca. Fruta sem danos mecânicos na casca tem melhor sabor.


Assista o vídeo: Cultivo do melão em casa e apartamento - dica de polinização (Dezembro 2021).