Conselho

Por que as galinhas perdem penas e o que fazer, tratamento e prevenção da calvície

Por que as galinhas perdem penas e o que fazer, tratamento e prevenção da calvície


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Muitos avicultores novatos estão interessados ​​na questão real: por que as galinhas ficam carecas? O aparecimento da alopecia é acompanhado pelo fato de as penas das aves se tornarem mais raras e opacas. Perda de fluff também é observada. A causa dos problemas é a desnutrição, violação das condições de criação de pássaros e infestação de parasitas. Para lidar com a queda de cabelo, você precisa fornecer cuidados adequados às suas galinhas.

As principais causas da queda de cabelo em galinhas

Para encontrar um tratamento para galinhas, você precisa determinar a causa da queda de cabelo em um galo ou galinha poedeira. Se você não ajudar imediatamente, os pássaros simplesmente morrerão. Os principais fatores provocadores para o desenvolvimento de alopecia incluem os seguintes:

  1. Transtornos alimentares e deficiências de vitaminas. É importante fazer ajustes na dieta das galinhas. A razão para a perda de penas é freqüentemente uma deficiência de certos oligoelementos. Também vale a pena considerar a compatibilidade dos alimentos que são usados ​​para alimentar as aves.
  2. Quantidade insuficiente de ração. Os agricultores frequentemente negligenciam os alimentos complementares adicionais. Isso é muito importante para o período de muda natural. Nesse momento, as galinhas precisam de mais alimentos e vitaminas.
  3. Falta de vitamina D. Na estação quente, as galinhas devem passar pelo menos 12 horas ao ar livre. Isso afeta sua produtividade. No inverno, os pássaros precisam de iluminação adicional. Para isso, você pode usar uma lâmpada convencional ou ultravioleta. Deve ter uma tonalidade vermelha.
  4. Infecção por parasitas. A causa dos problemas costuma ser o ataque dos comedores. Esses insetos se assemelham a piolhos ou pulgas. Alimentam-se das penas e da pele das galinhas e afetam principalmente o pescoço, a cabeça e o dorso. Quando aparecem áreas danificadas, o risco de desenvolver infecções aumenta. Para evitar tais problemas, uma calha de cinzas e areia deve ser instalada na casa.
  5. Condições erradas. Para evitar problemas, recomenda-se limpar sistematicamente o galinheiro, observar as normas sanitárias, muitas vezes ventilar o ambiente e trocar a cama.

Sintomas

Primeiro, as galinhas ficam carecas na área da cauda. Em seguida, as penas nas costas e na cabeça caem. As galinhas poedeiras também perdem penas no pescoço. As asas são as últimas a sofrer. Com o desenvolvimento da alopecia, as penas perdem a elasticidade e tornam-se opacas. Além disso, os pássaros podem perder sua penugem. Às vezes, o problema assume tais proporções que os pássaros ficam quase nus. Às vezes, o processo é acompanhado por lesões na pele. Nesse caso, aparecem hematomas ao redor das áreas danificadas.

Se você identificar imediatamente o problema e se livrar dele, os órgãos internos não sofrerão. Se o fator provocador não for eliminado, existe o risco de deficiência de vitaminas e infecção. Também existe a ameaça de interrupção do funcionamento dos órgãos internos.

A deficiência de vitaminas devido a doenças levará a uma diminuição da produtividade ou à cessação completa da oviposição.

Como não confundir alopecia com eliminação natural?

No outono, os pássaros experimentam a perda sazonal de penas. A muda é considerada um processo fisiológico que visa uma mudança gradual da plumagem. Difere da calvície pela perda uniforme das penas.

Esse processo afeta a cabeça e a cauda. A plumagem antiga é substituída por uma nova - mais durável e brilhante. Ao mesmo tempo, a saúde das galinhas permanece normal. Eles mantêm um bom apetite e plena atividade.

A muda pode começar nas aves mesmo após o término da postura dos ovos. Este processo também é considerado natural. Em outras situações, a muda começa no outono e dura 2 a 3 meses. As raças de ovos se desprendem mais rápido do que as raças de carne.

Perigo de doença

A alopecia em galinhas costuma ser acompanhada por uma violação de seu bem-estar. Afeta o estado geral das aves. Eles parecem doloridos. Além da calvície, existe o risco de desaceleração do crescimento das aves e diminuição significativa dos parâmetros de produção de ovos.

O que fazer se as galinhas ficarem carecas?

Se aparecerem sintomas de alopecia, você precisa tomar medidas imediatas. Para curar galinhas, as causas dos problemas devem ser estabelecidas.

Dieta

Uma dieta desequilibrada, que causa deficiências de vitaminas e minerais, é considerada uma das principais causas da perda de penas. Para lidar com o problema, as galinhas precisam receber muitos micronutrientes. Neste caso, é permitido usar composições prontas que contenham muitos componentes valiosos. Se as galinhas comem comida caseira, devem comprar suplementos vitamínicos. Às vezes, o excesso de vitaminas e minerais é a causa dos problemas. Nessa situação, vale a pena aumentar a quantidade de componentes protéicos e reduzir as gorduras.

Suplementos Vitamínicos

Ao preparar misturas e purê para frangos, você definitivamente deve adicionar vitaminas e minerais a eles. Você pode comprá-los em uma farmácia veterinária especial. Na alopecia, recomenda-se adicionar os seguintes componentes à alimentação de cada frango:

  • 7 miligramas de sulfato de manganês;
  • 3 miligramas de enxofre;
  • 1 miligrama de sal
  • 4 miligramas de iodeto de potássio.

Se a perda de penas for negligenciada e as galinhas ficarem muito carecas, recomenda-se o uso de vitamina B12.

Condições de detenção

As galinhas podem ficar carecas devido à manutenção inadequada. O desenvolvimento de alopecia está associado à falta de vitamina D, que os pássaros recebem durante as caminhadas. As galinhas poedeiras criadas em gaiolas são especialmente suscetíveis ao problema.

Os pássaros precisam ser passeados todos os dias. Em climas frios, as lâmpadas UV devem ser instaladas em galinheiros. Eles precisam ser ligados por pelo menos 6 a 7 horas por dia. Uma lâmpada comum deve queimar por 10-12 horas.

O acesso ao ar fresco também é importante. Para isso, é recomendável instalar janelas ou providenciar aberturas de ventilação. Isso ajudará a prevenir odores desagradáveis. No galinheiro, vale a pena colocar um recipiente com cinzas e areia. Isso permitirá que os pássaros eliminem a plumagem de insetos que costumam causar queda de cabelo.

Como tratar a alopecia

Remédios e receitas caseiras podem ser usados ​​para lidar com a calvície de pássaros.

Terapia medicamentosa

O tratamento da alopecia em galinhas pode ser feito com os seguintes medicamentos:

  • Desi spray - este medicamento ajuda a curar úlceras na área afetada;
  • Gamavit - é um imunomodulador, indicado para frangos debilitados;
  • Ganasupersvit é um complexo vitamínico;
  • Chiktonik - é uma vitamina que contribui para a saturação do corpo.

Métodos tradicionais

Além de medicamentos, podem ser utilizadas receitas folclóricas. Neste caso, os frangos devem ser colocados em seus alimentos penas esmagadas que caíram. Eles contêm muita cisteína, o que favorece o crescimento da plumagem. Chifres e cascos de gado também ajudam a repor o suprimento de nutrientes. Recomenda-se usá-los na forma triturada.

Como evitar problemas no futuro?

Para evitar o aparecimento de problemas, é necessário seguir as regras de prevenção:

  • alimente os pássaros corretamente;
  • mantenha a casa limpa;
  • fornecer galinhas com passeios na rua;
  • usar lâmpadas ultravioleta;
  • fornecer às galinhas acesso à água;
  • dê cálcio aos pássaros - pode ser obtido a partir de giz e gesso.

A alopecia areata pode estar associada a uma variedade de fatores. Para curar galinhas, em primeiro lugar, é necessário estabelecer a causa da perda de penas. Depois disso, é recomendável alterar as condições de manutenção das aves e ajustar sua dieta.


Assista o vídeo: GALINHAS COMENDO PENA UMA DA OUTRA (Dezembro 2022).